moment of surrender

eddie

Sou tão insegura meu bem… Aqui neste porto-não-seguro sem mar onde me refugio não adianta gritar HELP, compreende? É verão, muito calor, fico imprestável. Caminho muito, mas não vou a lugar algum. Não sou do tipo socialmente aceitável, talvez eu seja SOMETHING BETWEEN Celine de “Before Sunset” e Charlotte de “Lost in Translation”. Há quase dois meses coloquei como papel de parede do computador uma imagem do “Eternal Sunshine” com aquela frase “You can erase someone from your mind. Getting them out of your heart is another story…” Não sei por que andei tão obcecada por esse filme. Talvez seja porque sempre que penso quando foi a última vez que beijei na boca, de língua, com gosto – God! – me lembro que já se passaram meses. Sem falar naquelas pessoas que insistem em apresentar um amigo-da-amiga-do-amigo-da-amiga que é “tua cara”. ANYWAY, voltando ao filme, nunca consigo ERASE SOMEONE da minha mente, muito menos do coração. IT SUCKS, mas tem gente que consegue estar presente em todos os acontecimentos e não-acontecimentos da minha pseudo-vida, mesmo depois de eu ter proibido – imagina – qualquer espécie de pensamento, referência, rastro, qualquer coisa que me faça pronunciar – mesmo mentalmente – THAT PERSON. Ultimamente ando assim, com uma espécie de (???) sei lá, uma tristeza meio chinfrim, uma aceitação anêmica… Por que será que de repente ficou tão difícil respirar? Deve ser porque quando respiro profundo, ainda me dói aquele tumor em metástase conhecido como saudade. Eu só sei de uma coisa: sentiria sua falta mesmo que nunca o tivesse conhecido. Mas tudo bem, NO PROBLEM, quando penso em me jogar pela janela ouço Eddie Vedder cantando “Alive” e algo bom acontece. Me lembro então daquele corpinho – santo remédio! – e aí fico muito ordinária e vadia – mas só na mente. Ser desimportante é uma coisa muito péssima!

Anúncios

3 Respostas to “moment of surrender”

  1. Leticia Says:

    Pri, bloguinho novo !!!

    Bjão

  2. Mônica Says:

    adorei guria…parece que estamos na mesma situação…hahahha.
    eternamente insatisfeitas!!!!
    minha esperança: UM DIA ISSO MUDA!
    beijos

  3. Max Says:

    Gostei dessa parte “Nunca consigo apagar alguém da mente, muito menos do coração”, já tentei fazer isso simplesmene não dá, muito bom!!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: